Ministério da Saúde converte mais de 6 mil leitos de UTI Covid em convencionais

Medida foi tomada por conta da queda de casos e mortes

Escrito por Redação 15/04/2022 18:35, atualizado em 15/04/2022 18:35
A iniciativa foi acertada junto ao Conselho Nacional de Secretários de Saúde e Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde
A iniciativa foi acertada junto ao Conselho Nacional de Secretários de Saúde e Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde . Foto: Divulgação

O Governo Federal, por meio do Ministério da Saúde, publicou uma nova portaria que converte 6,4 mil leitos de Covid-19 em leitos convencionais de terapia intensiva. A medida, que conta com um investimento de R$ 1,2 bilhão, amplia o número de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e fortalece a assistência de média e alta complexidade no Brasil.

A iniciativa foi acertada junto ao Conselho Nacional de Secretários de Saúde e Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde. O foco é no aumento da oferta aos demais pacientes que necessitam de outros cuidados intensivos não relacionados à Covid-19, assim fortalecendo o SUS.

A decisão foi tomada após a queda no número de casos e internações em decorrência da Covid-19, graças ao sucesso da campanha de vacinação no país. Durante outros momentos da pandemia, cerca de 26 mil leitos chegaram a ser habilitados com recursos financiados do orçamento extraordinário do Governo Federal, garantindo a pronta resposta ao agravamento das infecções.

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas