Whatsapp lança recurso que permite grupo com milhares de usuários

No Brasil, recurso ficará disponível apenas após o 2º turno da eleição presidencial

Escrito por Redação 14/04/2022 13:58, atualizado em 14/04/2022 15:42
Recurso está em estágio experimental
Recurso está em estágio experimental . Foto: Reprodução

O Whatsapp lança nesta quinta-feira (14) um novo recurso chamado comunidades. Ainda em estágio experimental, a ferramenta vai funcionar como um 'grupão' central que abriga outros grupos com milhares de usuários.

Atualmente, o Whatsapp permite grupos com no máximo 256 participantes. O recurso estará em teste pelos próximos meses. 

O Facebook, empresa que administra o Whatsapp, se comprometeu com o Tribunal Superior Eleitora (TSE)  a não estreitar as 'comunidades' no Brasil antes do possível segundo turno da eleição presencial, marcado para 30 de outubro. Porém, ela não garante que vai 'segurar' a estreia do recurso no período entre o fim do segundo turno e a posse presidencial.

Segundo a empresa, o público-alvo do novo recurso são escolas, moradores de condomínios e empresas. A empresa, porém, não esclareceu como vai - ou se vai - impedir as comunidades usadas para desinformação sanitária ou política. 

Na ferramenta, os administradores terão capacidade de mandar mensagens (ou avisos) para todos os milhares de membros da comunidade, assim como acontece nos canais do Telegram.

A princípio, as comunidades teriam limite de 10 grupos com 256 participantes cada um - resultando em 2.560 usuários. O Whatsapp estuda aumentar o número de integrantes em grupos para 512 e elevar a quantidade de grupos em cada comunidade.

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas