Mais clínicas são conveniadas para oferta de exames de imagem em SG

Objetivo é acelerar a fila de espera da Central de Regulação

Escrito por Redação 03/04/2022 14:12, atualizado em 03/04/2022 14:12
Exame de imagem
Exame de imagem . Foto: Divulgação

A Secretaria Municipal de Saúde e Defesa Civil de São Gonçalo contratou quatro clínicas que fazem exames de imagem para acelerar a fila de espera da Central de Regulação. A partir desta semana, a Climagem, em Itaboraí; Medilife, em Alcântara; Ultra Rad, na Estrela do Norte; e Facon, no Centro de São Gonçalo, vão prestar serviços à Prefeitura. As clínicas farão exames de densitometria óssea, mamografia, ultrassonografia, ductografia, ecocardiograma, ressonância magnética, radiografia, angioressonância cerebral e tomografia.

    “As clínicas vão somar aos serviços já oferecidos em outras unidades conveniadas e próprias. A fila da mamografia, por exemplo, está zerada na cidade desde o início de março deste ano. Eram mais de 12 mil pessoas na fila. O Espaço Rosa está fazendo mutirão para diminuir a fila de ultrassonografia do abdômen. A intenção é atender a todos que estão na fila de espera de todos os exames. Estamos trabalhando e nos esforçando para isso. A Saúde não pode esperar”, disse o secretário municipal de Saúde e Defesa Civil de São Gonçalo, Gleison Rocha. 

     Além das novas clínicas, um centro de imagem está sendo construído dentro da Policlínica do Alcântara, no bairro Vila Três, que deve ser inaugurada até o fim deste ano. No espaço também serão realizados os seguintes exames: ressonância magnética, tomografia, cintilografia, raio-x, endoscopia, ultrassonografia, mamografia, ergometria, ultrassonografia e eletrocardiograma.

     Vale lembrar que os usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) não podem ir direto às clínicas para fazer os exames. Para a realização, os gonçalenses têm que dar entrada no sistema da Central de Regulação da Secretaria Municipal de Saúde e Defesa Civil de São Gonçalo, que vai marcar os agendamentos. Para isso, os moradores podem procurar qualquer unidade de saúde mais próxima de sua residência. É importante que mantenham os números dos telefones e endereço do cadastro atualizados. 

 

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas