Com vários trechos interditados, Rio-Santos tem riscos de novos deslizamentos

PRF pede que motoristas evitem a rodovia

Escrito por Redação 03/04/2022 12:00, atualizado em 03/04/2022 12:00
Trecho da Rio-Santos totalmente interditado
Trecho da Rio-Santos totalmente interditado . Foto: Divulgação

Pelo menos três rodovias em Angra dos Reis e Paraty (RJ): a Rio-Santos, a Paraty-Cunha e a RJ-155 (Saturnino Braga) estão interditadas por conta de deslizamentos e queda de árvores provocados pelas últimas chuvas. As informações foram passadas pela Polícia Rodoviária Federal e pelas prefeituras nesta manhã de domingo (3).

Segundo a Defesa Civil de Angra, nas últimas 48 horas, foram registrados 809 mm em Araçatiba, na Ilha Grande, e 694 mm no bairro Monsuaba, um dos mais afetados. Segundo a prefeitura, essa é a maior chuva da história da cidade. Em Paraty, desde quinta-feira (31), foram registrados mais de 300 mm de chuva. A Polícia Rodoviária Federal pede que os motoristas evitem a rodovia pois há riscos de mais deslizamentos a qualquer momento.

Nas duas cidades, até o momento, 15 pessoas morreram. Há cerca de oito desaparecidos.

Também na manhã deste domingo, a prefeitura de Paraty interditou a Paraty-Cunha, que liga Cunha a Paraty. Foram encontrados, pelo menos, quatro pontos com quedas de barreira e erosão da pista.

O trânsito na RJ-155, estrada que liga Angra dos Reis a Barra Mansa (RJ), passando por Rio Claro (RJ), também está interditado. Uma barreira caiu e interditou a passagem em um dos túneis da rodovia.

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas