Criminosos invadem residência e roubam cadela em São Gonçalo

Família foi feita refém

Escrito por Redação 03/12/2021 09:54, atualizado em 03/12/2021 09:54
Penélope tem 5 anos
Penélope tem 5 anos . Foto: Divulgação

Ela nasceu com a gente e faz parte da nossa família. Aqui temos uma criança, de nove anos, que perdeu o avô em março e agora perdeu a companheira. Era com a Penélope que ela brincava e convivia diariamente. Eu só peço que quem tiver com a Pêpê, ponha a mão na consciência e entregue, pois ela tem família". 

O pedido desesperado é de uma mãe, que depois de ser mantida como refém, com a família dentro de casa, vive a dor de sofrer, e principalmente, ver sua filha sofrer pela falta da cachorrinha, de cinco anos. 

Tudo aconteceu na última segunda-feira (29), quando a família, a menina de 9 anos, a mãe, de 45, e a avó, de 65, chegavam em casa, em Santa Catarina, São Gonçalo, por volta das 17h. 

"Chegamos e eu parei o carro para entrar em casa. Como trabalho com festas, uma amiga veio buscar uma encomenda e entrou junto com a gente. Ficamos na área, quando ouvimos um barulho de alguém pulando o portão", relembrou. 

 

Penélope está com a familia desde o nascimento
Penélope está com a familia desde o nascimento | Foto: Divulgação
 


Assim que o homem entrou, ele mostrou uma pistola e anunciou o assalto. 

"Ele chegou a empurrar a Penélope dizendo que ela ia morder ele. Eu falei que não ia, mas ele fechou a porta deixando ela no quintal".

O ladrão mandou a família entrar no banheiro e fez buscas pela casa, dizendo dizendo se encontrasse dinheiro mataria todo mundo. 

"Nós entregamos os celulares e eu disse que o dinheiro que tinha, R$70, estava na bolsa da minha mãe.  Ainda assim ele nos ameaçou e depois saiu. Ficamos um tempo no banheiro por medo e quando saímos, a Penélope não estava", contou. 

Embora somente um criminoso tenha entrado na residência, outro homem deu cobertura pelo lado de fora. Eles fugiram num veículo Fox, cor prata, e levaram a cachorro da família. 

De porte pequeno, Penélope é um Shih Tzu, e tem cinco anos. Ela mora com a família desde que nasceu. 

"Estamos todos sentindo falta, mas minha filha tá muito triste, chora. A Penélope é da família. Pedimos que quem tiver com ela, entenda nossa dor e entregue", clamou a vítima. 

O caso foi registrado na 73ª DP (Neves), onde está sendo investigado. 

Qualquer informação sobre o paradeiro de Penélope  pode ser encaminhado ao Disque Denúncia,  através do 22531177.

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas