Universitário cria abaixo-assinado para que prova do Enem seja reaplicada para moradores do Salgueiro

Segundo a Defensoria Pública da União, cerca de 500 alunos não conseguiram fazer a prova no domingo

Escrito por Redação 25/11/2021 20:17, atualizado em 25/11/2021 21:17
Grande número de alunos que faria a prova perto do Salgueiro também não conseguiu realizar o exame
Grande número de alunos que faria a prova perto do Salgueiro também não conseguiu realizar o exame . Foto: Filipe Aguiar

Um aluno do curso de Economia da Universidade Federal Fluminense (UFF) abriu um abaixo-assinado para chamar a atenção do Inep e pedir para que a prova do Enem seja reaplicada para moradores do Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo. O documento, que já tem quase cinco mil assinaturas é uma solicitação para que o órgão dê outra oportunidade para os estudantes da localidade possam realizar o exame, já que no dia da prova, a PM realizou uma operação na comunidade que deixou 9 mortos e uma idosa baleada. 

De acordo com o aluno João Pires, de 23 anos, cerca de 500 alunos que tinham prova marcada nos seis locais próximos à comunidade não fizeram a primeira parte do exame no último domingo.

"Os seis locais de prova mais próximos da comunidade de Salgueiro tinham 2 mil inscritos e 500 chegaram a faltar a prova nessas localidades, aproximadamente 25% [...] são quinhentas pessoas que deixaram de fazer uma prova e que podem ter sido impedidas pela operação do Complexo do Salgueiro", disse.

Segundo edital do Enem, a reaplicação da prova só é avaliada em casos de desastres naturais, falta de energia elétrica, falha no dispositivo eletrônico fornecido ao participante que solicitou uso de leitor de tela ou erro de execução de procedimento de aplicação que incorra em comprovado prejuízo ao participante.

As assinaturas serão envidas para o Inep e o Ministério da Educação, mas o documento ainda ficará aberto para a coleta de mais assinaturas.

Na quarta-feira (24), a Defensoria Pública da União (DPU) enviou um ofício para o Inep pedindo a reaplicação da prova para os estudantes que foram prejudicados por conta da operação policial.

"Solicitamos que as provas sejam reaplicadas para todos os candidatos moradores do Complexo do Salgueiro e, também, para aquelas que fariam as provas nos locais determinados, assim como em demais locais de prova em um raio de cinco quilômetros a partir do local da operação", diz um trecho do documento.

A DPU também pede que seja informado em até três dias o percentual de candidatos que faltaram às provas. 

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas