Clube Tamoio é leiloado após dívida milionária e novos proprietários assumem nesta quinta

Avaliado em mais de R$ 600 milhões, o local foi leiloado por apenas R$ 2 milhões

Escrito por Daniel Magalhães 21/10/2021 16:59, atualizado em 21/10/2021 17:59
Viaturas da PM e uma retroescavadeira estavam no local na tarde de hoje
Viaturas da PM e uma retroescavadeira estavam no local na tarde de hoje . Foto: Filipe Aguiar

Fim de uma era! O tradicional Clube Tamoio perdeu uma ação judicial que tramitava na Justiça e terá toda a estrutura de um dos clubes mais queridos da cidade entregue a novos proprietários. Nesta quinta-feira (21), trabalhadores da construtora já foram ao local para demolir parte das instalações do clube que foi recentemente reconhecido como patrimônio público e cultural de São Gonçalo.

A medida não agradou nem um pouco a diretoria do clube, sobretudo o valor pelo qual o Tamoio foi leiloado. De acordo com o laudo de avaliação do imóvel, toda a estrutura é avaliada em pouco mais de R$ 600 milhões. Porém, de acordo com um dos membros da diretoria, toda a gigante estrutura foi leiloada por pouco mais de R$ 2 milhões, valor muito inferior ao avaliado pela equipe técnica. Ainda segundo membros da administração, do montante foi pago somente uma quantia de R$ 700 mil.

O espaço foi leiloado por conta de uma ação trabalhista que tramitava na Justiça desde 2004 de uma ex-advogada do espaço, que cobrava  uma dívida de mais de R$ 1,5 milhão do clube. O Clube Tamoio acabou sendo leiloado para cobrir a pendência.

Segundo os proprietários e diretoria do clube, o processo de avaliação do espaço foi feito de forma diferente, o que acabou barateando o imóvel. O presidente do Clube, Jorair Ferreira, já informou que vai recorrer da decisão que determinou a venda do imóvel.

"Maior covardia feita até hoje. O clube todo vendido por esse preço tão baixo. Não sei o que eles vão fazer, mas nós já estamos recorrendo. Tá todo mundo revoltado, os sócios chateados. Isso não pode acontecer. Eles já vieram aqui hoje com trator, retroescavadeira, mas o juiz já disse que eles não podem demolir nada porque o Clube Tamoio é patrimônio histórico e cultural do município.", disse Jorair.

Funcionários do clube passaram a manhã e início da tarde desta quinta-feira (21) retirando seus pertences do local. No clube, também foi vista uma escavadeira, que já ia começar o processo de demolição, mas o processo foi impedido já que o prédio é considerado um patrimônio.

História do Tamoio

Fundado em 1917, o Tamoio Futebol Clube era o responsável por abrir o carnaval carioca entre as décadas de 60 e 80, tendo seus concursos de fantasias luxuosas sendo transmitidos pelas emissoras de televisão da época. Os bailes de carnaval que aconteciam no clube também eram bastante conhecidos pela região.

O tradicional clube, fundado em 1917, foi reconhecido como patrimônio histórico e cultural este ano
O tradicional clube, fundado em 1917, foi reconhecido como patrimônio histórico e cultural este ano | Foto: Filipe Aguiar
 

Após a abertura de um parque aquático nas dependências do clube, o local passou a ser escolhido para sediar projetos sociais, como aulas de luta e natação.

Nos esportes, o Tamoio Futebol Clube chegou a participar da Série B1 do Carioca, além de ser quatro vezes campeão do Citadino de São Gonçalo. Ao lado do Metalúrgico e do Mauá formavam o "Trio de Ferro" do futebol gonçalense.

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas