Dólar up 5,0950 Euro up 5,2657
Search

Portal dos Procurados busca informações por mais envolvidos em quadrilha que agia em Arraial do Cabo

Grupo, segundo a polícia, é responsável por invasões e exploração de terrenos no Parque Estadual Costa do Sol

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 03 de setembro de 2021 - 19:55
Portal dos Procurados busca informações dos dois indivíduos
Portal dos Procurados busca informações dos dois indivíduos -

O Portal dos Procurados divulgou nesta sexta-feira (03), um cartaz para ajudar nas investigações da 132ª DP (Arraial do Cabo), em conjunto com Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ) e da Corregedoria da Polícia Militar, para obter informações sobre mais dois envolvidos em uma organização criminosa acusada de invasões e exploração de terrenos no Parque Estadual Costa do Sol, em Arraial do Cabo, município situado na Região dos Lagos do estado do Rio de Janeiro.

São eles: Rosilene de Azevedo Garcia da Silva, de 61 anos, sogra do traficante Carlos Humberto Antunes Gaze, o Beto Branco, de 34 anos, e o guarda municipal Taylor Rafael Antunes Dutra, de 42. Beto Branco é apontado como chefe do tráfico na comunidade Monte Alto, em Arraial do Cabo. Segundo informações, o criminoso está escondido no Parque União, no Complexo da Maré, em Bonsucesso, Zona Norte do Rio. Eles, segundo a polícia, fazem parte integrantes da organização criminosa armada liderada Renato Martins Vianna, de 47 anos, ex-prefeito de Arraial do Cabo, que a partir de 2017, atuou nas áreas ambientalmente protegidas no Parque Estadual Costa do Sol, no núcleo da APA Massambaba, loteamento Miguel Couto, no distrito de Monte Alto, em Arraial do Cabo. O grupo, formado também por integrantes da prefeitura, do Instituto Estadual do Ambiente e do próprio parque, promovia loteamentos ilegais em áreas não edificáveis, obtendo vantagem indevida com o parcelamento, venda e exploração do solo.

Segundo a investigação da 132ªDP e denúncia do MPRJ, ainda fazem parte do grupo PMs e bombeiros militares. A prática da organização visava indivíduos humildes em situação de vulnerabilidade e que necessitavam de moradia, oferecendo terrenos 'baratos' para a construção de uma casa com fornecimento do chamado 'kit invasão', composto por pequena porção de terra, tijolos, telhas e demais materiais de construção.

Ainda se encontram foragidos: Renato Martins Vianna, de 47 anos, ex-prefeito de Arraial do Cabo; Márcio Veiga de Oliveira, policial militar da reserva e ex-secretário de Ordem Pública, de 48 e André Luiz Cavalcanti de Oliveira, ex-chefe do Parque Estadual da Costa do Sol de 42 anos.

Contra os acusados, foi expedido um mandado de prisão, pela 1ª Vara Criminal Especializada da Comarca da Capital, pelo crime de Organização Criminosa (Lei 12.850/2013), com pedido de Prisão Preventiva.

 Disque Denúncia recebe informações sobre a localização dos envolvidos na Organização Criminosa, nos seguintes canais de atendimento:

Zap do Portal dos Procurados: (21) 98849-6099

(21) 2253 1177 ou 0300-253-1177

APP "Disque Denúncia RJ"

Facebook/(inbox): https://www.facebook.com/procuradosrj/,

https://twitter.com/PProcurados (mensagens).

A 132ª DP – Arraial do Cabo, sob a titularidade do Delegado Drº Ruchester Marreiros Barbosa, está encarregada do caso e do inquérito policial, que já foi relatado à Justiça.

Matérias Relacionadas