Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar R$ 5,2113 | Euro R$ 5,5412
Search

Família gonçalense se reinventa e abre brechó no qual divide o lucro com doadores, entenda!

No dia 07 de agosto, o 'Bazzar Renovando' irá fazer um evento físico em SG

relogio min de leitura | Escrito por Ana Carolina Moraes | 29 de julho de 2021 - 08:54
A família do Colubandê investiu em um brechó na pandemia
A família do Colubandê investiu em um brechó na pandemia -

A pandemia da Covid-19, que no Brasil teve início em março de 2020, alterou significativamente a vida de muitas pessoas, desde idosos até crianças. Estes últimos por exemplo, passaram a ter aula pelo formato de ensino remoto. Uma outra categoria que foi atingida pelos lockdowns foi a dos comerciantes. Muitos tiveram que fechar seus negócios e outros precisaram se reinventar para 2021 e foi isso que aconteceu com a família de Alex Sandro Joaquim Sá, de 40 anos, que tem uma loja de informática perto do Plaza Shopping Niterói. Ele, sua esposa Renata Freiras, de 37 anos, que é professora, e o filho do casal Victor Sá, de 21 anos, resolveram, juntos, iniciar novos tipos de venda e focar em um brechó denominado 'Bazzar Renovando', no qual uma porcentagem do valor arrecadado na venda de uma peça de roupa vai para eles e a outra parte para os donos das peças, que doaram as roupas para serem vendidas no brechó.

Até fevereiro de 2020, a família tinha uma vida tranquila. Administrando suas contas, suas viagens e até as férias. Com a pandemia em março e os lockdowns, a loja de informática de Alex teve que fechar temporariamente, assim como outros comércios, já que era proibido aglomeração. O trabalho de Renata também teve que ser alterado, já que ela, como professora, teve que lidar com o ensino remoto. O filho do casal, que ajudava o pai na loja, também começou a pensar em meios de empreender, mesmo que de forma online para ajudar nas contas de casa.

"A loja fechou e eu não tinha renda, os aluguéis daqui começaram a vencer durante a pandemia e os meses foram passando. Eu sempre fui filho de comerciante, meu pai tinha uma empresa de telecomunicações, então, ele sempre me inspirou a pensar que haveria uma época em que a renda teria que ser diversificada. Na pandemia, ele me chamou e conversou comigo dizendo que grandes empresas não vendem só um produto. Como sempre fomos envolvidos em questões sociais, comecei a pensar em como me reinventar misturando também com esse ponto", contou Alex.

A primeira coisa que Alex pensou, em dezembro de 2020, foi em criar um site no qual ele e amigos comerciantes gonçalenses podiam vender suas coisas online. Ele criou, então, o Arev (sigla para Alex, Renata e Victor) e se tornou um empreendedor online. Renata abriu uma loja de roupas pelo Instagram e Victor uma loja de produtos para celular. Mas, a família moradora do Colubandê ainda sentia que faltava algo.

Alex e a esposa Renata são empreendedores
Alex e a esposa Renata são empreendedores |  Foto: Arquivo pessoal
 

"Queríamos algo mais voltado para sustentabilidade. Começamos a perceber que, na pandemia, muita gente estava precisando de uma renda extra e não só comerciantes. Então, fomos atrás dessas pessoas que precisavam de dinheiro e falamos que eles tinham dinheiro parado no guarda-roupa, ou seja, as pessoas tinham diversas roupas em bom estado em seus guarda-roupas que eles não usavam, mas também não vendiam. Comecei a somar isso, mais os projetos de vida, vi algo do tipo em um programa de TV e decidi, no dia 24 de maio de 2021, abrir o nosso brechó 'Renovando' (referência ao nome de Renata) através do Instagram", comentou Alex. Hoje, eles vendem peças online, pela internet, e presencialmente em eventos específicos do próprio brechó, que ainda não possui loja física.

Roupas do brechó da família
Roupas do brechó da família |  Foto: Arquivo pessoal
 

A partir daí, o próximo passo da família era conseguir roupas. Inicialmente, eles contaram com a ajuda de amigos e conhecidos, mas depois que a ideia se espalhou diversas pessoas que eles nem conheciam passaram a mandam roupas para o 'Bazzar Renovando'. "A gente tem um e-mail e quem quiser pode mandar as fotos de suas roupas por lá. A gente manda também um textinho para a pessoa informando que a roupa para vender não pode ser rasgada, falsificada ou velha. Depois, fazemos as consultorias com as roupas, tiramos fotos, damos instruções e colocamos no nosso bazar através do Instagram ou nos eventos presenciais. Hoje, o projeto já tomou uma proporção grande e ficou mais conhecido. Combinamos com as pessoas que nos doam as peças de roupa que, se vendermos a roupa dela, 65% do valor é nosso e 35% é dela. Em conjunto com a pessoa, decidimos o preço que a peça vai ter no nosso brechó. Uma vez, por exemplo, vendemos uma calça por R$ 100, destes R$ 65 ficou para nós e R$ 35 para a pessoa. Tem cliente que arrecada mais de R$200 vendendo roupa com a gente, é um dinheiro extra!", ressaltou o empreendedor.

Hoje, a família continua na missão do e-commerce e das vendas online, mas fazendo eventos presenciais em São Gonçalo para vender roupas do brechó. Para quem quiser vender suas roupas pelo 'Renovando', basta falar com eles pelo e-mail: bazzarenovando@hotmail.com. Na mensagem, além das fotos das roupas que você quer dar para a venda (podem ser enviadas até 10 fotos de roupas distintas no e-mail) precisa ter também o seu nome, telefone de contato e bairro onde mora. No assunto do e-mail precisa conter a seguinte mensagem: "Quero ser fornecedor" e pronto! A família vai avaliar as peças e te dar um retorno. 

Roupas do brechó da família
Roupas do brechó da família |  Foto: Arquivo pessoal
 

"O brechó superou as nossas expectativas, a questão do e-commerce, o comércio mudou, estamos felizes demais com tudo o que está acontecendo e vimos que realmente chegou a época do digital. Hoje, conseguimos diversificar nossa renda com o digital, eu vendo 24 por dias, nos 7 dias da semana pela internet e qualquer um tem essa oportunidade também.", finalizou Alex, que vai implementar uma nova forma de pagamento online em suas lojas para continuar vendendo pela internet. 

Roupas do brechó da família
Roupas do brechó da família |  Foto: Arquivo pessoal
 

Próximo evento físico do brechó 'Renovando'

O brechó da família em questão realiza alguns eventos físicos em São Gonçalo. O próximo ocorrerá no dia 07 de agosto de 2021, no salão de beleza denominado 'Espaço Elas', localizado na Rua Expedicionário Virgílio Lúcio, número 72, no Colubandê. O evento terá início às 9h e terminará às 17h.

Clientes em um evento do brechó
Clientes em um evento do brechó |  Foto: Arquivo pessoal
 

Esse não é o primeiro evento físico do brechó. "Da última vez que fizemos um evento online foi no último dia 10 de julho, também no 'Espaço Elas'. Nós gostamos, pois nossas clientes além de comprarem as roupas do brechó, também podem aproveitar o salão de beleza", disse Alex.

Vale lembrar que o 'Renovando' não possui uma loja física, então, para saber novidades sobre o local, basta seguir a página deles no Instagram (@bazzar_renovando) que é administrado pela loja de roupas de Renata, também no Instagram (@lojinha_daree).

Matérias Relacionadas