Ministério da Saúde compra 20 milhões de doses da vacina Covaxin

Foram investidos R$1,614 bilhões com a aquisição da vacina que é produzida na Índia

Escrito por Redação 25/02/2021 20:24, atualizado em 25/02/2021 22:15
. Foto: Divulgação/ Agência Brasil

Um contrato para a compra de 20 milhões de doses do imunizante Covaxin foi assinado nesta quinta-feira (25) pelo Ministério da Saúde, junto à Precisa Medicamentos/Bharat Biotech. No total, foram investidos R$1,614 bilhão com a aquisição da vacina que é produzido na Índia.

A estratégia de vacinação do Brasil poderá ser mais ampliada com a aquisição, segundo a pasta. Com o propósito de adiantar o processo de compra das novas doses, o Ministério da Saúde anunciou portarias rejeitando o uso de licitação. A pasta ainda ressalta que as primeiras 8 milhões de doses do imunizante tem a previsão de iniciar no mês de março, com dois lotes de 4 milhões a serem distribuídas entre 20 e 30 dias depois da assinatura do contrato.

O governo esperava que fossem enviadas outras 8 milhões de vacinas contra a Covid-19 importados da Índia em abril. O prazo era de que chegassem em 45 e 60 dias depois da oficialização da compra. Já em maio, o último lote de doses, com 4 milhões de unidades, são previstos.

 

Entrega das doses

 

Março: 8 milhões – 4 milhões + 4 milhões de doses entregues entre 20 e 30 dias após a assinatura do contrato

Abril: 8 milhões – 4 milhões + 4 milhões de doses entregues entre 45 e 60 dias após a assinatura do contrato

Maio: 4 milhões entregues em 70 dias após a assinatura do contrato

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas