Moradores do Zumbi, em São Gonçalo, reclamam de falta de água há duas semanas

Eles precisaram recorrer a caminhões-pipa

Escrito por Ana Carolina Moraes* 08/02/2021 12:01, atualizado em 08/02/2021 14:50
Caixas d'água estão vazias na localidade
Caixas d'água estão vazias na localidade . Foto: Arquivo Pessoal

Moradores da comunidade do Zumbi, em São Gonçalo, reclamam que estão sem água há, pelo menos, duas semanas. A solução encontrada por eles foi contratar caminhões-pipa para conseguir água com o objetivo de se alimentar, tomar banho e beber. Todo o problema com a água começou depois que uma bomba desarmou no último dia 30 de janeiro. 

"Antes disso, estava tudo bem, mas aí faltou luz e a bomba desarmou. Desde então, a Cedae não veio aqui consertar e estamos com mais de 30 famílias sem água. No sábado passado (06), até caiu um pouco de água, mas não deu vazão. Eu mesma pego água na casa da minha sogra para poder lidar com isso", contou Juliana Moreira, de 26 anos. 

As pessoas sofrem com a falta de água
As pessoas sofrem com a falta de água | Foto: Arquivo Pessoal
 

A jovem disse que, além de gastar dinheiro com caminhão pipa, alguns deles estão tendo que pagar frete para pegar galões cheios de água da casa de parentes. "Eu precisei pagar um frete para pegar um galão de água da casa da minha sogra, já que eu tenho filhos e, inclusive, um neném de 2 meses que precisam de água. Nosso único problema aqui é água", contou ela. 

Juliana contou que já tentou ligar para a Cedae, mas nunca consegue ser atendida. 

Em resposta, a concessionária informou que "técnicos realizaram, no sábado (06), reparo em bomba que atende a localidade. O serviço já foi concluído e o abastecimento está sendo normalizado. De toda forma, equipe da Companhia irá ao local em até 24 horas para verificar".

*Estagiária sob supervisão de Cyntia Fonseca

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas