Morre arcebispo emérito do Rio aos 88 anos vítima da Covis-19

O cardeal Eusébio Sheid morreu devido a insuficiência respiratória aguda, em razão de complicações do novo vírus

Escrito por Redação 13/01/2021 20:46, atualizado em 13/01/2021 21:43
. Foto: Divulgação


Na tarde desta quarta-feira (13), morreu o arcebispo emérito do Rio de Janeiro, Eusébio Oscar Sheid, de 88 anos, vítima de Covid-19.  O cardeal estava com a saúde comprometida, e logo seu estado se agravou após uma semana, quando testou positivo para o novo vírus. O Hospital São Francisco de Jacaraí, em São José dos Campos (SP), onde o religioso estava internado, disse que a causa do óbito teria sido uma insuficiência respiratória aguda devido a doença.

 

Atendendo a um pedido do próprio cardeal, o sepultamento ocorrerá na cripta da Cadetral São Dimas, local onde foi bispo pela primeira vez. De acordo com informações, não haverá velório em razão da pandemia. Em pronunciamento, a Arquidiocese do Rio anuncia: “O arcebispo do Rio de Janeiro, cardeal Eusébio Oscar Sheid, entregou serenamente sua alma a Deus, no início da tarde desta quarta-feira, 13 de janeiro, após longo período de enfermidade, em São José dos Campos (SP), onde residia”.

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas