'Magnata' salva o time

Tricolor fica só no empate em 1 a 1 diante do Shaktar com gol de Magno Alves, na Florida Cup

Enviado Direto da Redação

Foto: Nelson Perez/Site do Fluminense

Magnata empatou partida para o Flu, mas resultado garantiu título do torneio ao Atlético-MG

Foto: Nelson Perez/Site do Fluminense

A atenção na partida em Orlando, Estados Unidos, estava voltada para o astro Ronaldinho Gaúcho, homenageado com o troféu do Mickey entregue por ninguém menos que o Pato Donalds, mas quem “roubou a cena” foi Magno Alves. O veterano de 36 anos marcou o gol de empate do Tricolor aos 36 da etapa final, definindo o placar em 1 a 1. Facundo Ferreyra havia convertido pelos ucranianos.

A equipe comandada por Eduardo Bapstista tentava jogar de igual para igual com o Shaktar Donetsk, mas errava a saída de bola com frequência e dava muitos espaços pelo lado direito, às costas de Wellington Silva. Em um desses deslizes, o árbitro “aliviou” para Alex Teixeira, que cometeu pênalti em Ferreyra.

O argentino abriu o placar logo aos 2 minutos do segundo tempo, de voleio, após receber lançamento dentro da área. Os brasileiros perderam uma grande chance de empatar aos 23, quando Ronaldinho recebeu bom passe de Scarpa, mas errou ao tentar colocar por cima do goleiro.

A redenção veio pouco depois com o Magnata, que só teve o trabalho de empurrar para o gol após jogada de Felipe Amorim.

Estreias - Além do meia, Diego Souza, Henrique e Richarlison jogaram com a camisa tricolor pela primeira vez. O destaque foi para o atacante, que mostrou disposição e personalidade. O ex-jogador do América-MG quase abriu o placar em chute cruzado, não antes de driblar alguns adversários pelo caminho.

O Fluminense encara o Internacional na quarta, mas o título já ficou com o Atlético-MG, que venceu o Corinthians por 1 a 0.

Veja também