Após morte, Fontenelle detona Baroté: 'machista e covarde'

Humorista morreu de câncer na segunda-feira (10)

Escrito por Redação 11/01/2022 17:17, atualizado em 11/01/2022 17:17
Youtuber e humorista tratavam batalha judicial
Youtuber e humorista tratavam batalha judicial . Foto: Reprodução/Redes Sociais

A youtuber Antônia Fontenelle usou as redes sociais para comentar sobre sua relação com o humorista Batoré, que morreu vítima de câncer na segunda-feira (10). A apresentadora chamou o artista de "covarde e machista", relembrando uma história que aconteceu entre os dois no passado.

“Hoje morreu um cearense, que todos chamam de humorista, e que para mim ele não passava de um cara covarde, machista e que me apontou, me julgou, foi cruel, foi covarde comigo, sem nunca ter me visto na vida, sem nunca eu ter feito nada com ele, o tal do Batoré”, iniciou no relato, feito ainda na segunda-feira (10).

"Eu estava processando ele, mas agora ele que preste conta com quem ele tem que prestar. Eu não tenho que perdoar nada, não sou Deus, quem tem que perdoar pelos feitos dele é Deus. Aqui eu estava discutindo no âmbito da Justiça, morreu, morreu. Agora dizer que era um cara exemplar, melhor comediante do mundo, que tá lá nos braços de Deus. Isso seria hipocrisia da minha parte, né? A verdade é pra ser dita. Essa é minha verdade ninguém precisa aceitar”, disse Fontenelle.

“Agora um monte de gente: coitadinho, Batoré morreu! Coitadinho o c*, não é porque ele morreu, que ele passou a ser santo e vai morar com Deus”, finalizou a youtuber.

A morte

Ivanildo Gomes Nogueira, mais conhecido como Batoré, morreu aos 61 anos, na segunda-feira (10), em São Paulo. De acordo com o G1, o ator e humorista enfrentava um câncer e morreu vítima da doença, em uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Pirituba, Zona Norte da capital.

Em nota, a Prefeitura declarou: “As informações médicas foram repassadas à família e a Secretaria Municipal de Saúde lamenta o ocorrido”.

Batoré nasceu em Serra Talhada, em Pernambuco, e se mudou para São Paulo ainda criança. Chegou a jogar futebol em categorias de base de times paulistas antes de se tornar ator. Já conhecido como Batoré, passou a integrar o elenco do humorístico "A Praça é Nossa", do SBT, onde ganhou projeção nacional. 

Além disso, o ator também chegou a viver o delegado Queiroz na novela “Velho Chico”, da TV Globo, além de ter sido vereador em Mauá, cidade da Grande São Paulo, por dois mandatos.

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas