Reforma do Centro de Artes e Esportes Unificados, em Jurujuba, entra na reta final

O trabalho de revitalização do espaço começou há três meses

Enviado Direto da Redação
 O presidente da Fundação de Arte de Niterói (FAN), André Diniz, acompanhado do secretário regional de Jurujuba, Augusto Torres, visitaram, nesta terça-feira (15), as obras de reforma do Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU) Ismael Silva, em Jurujuba. O trabalho de revitalização do espaço começou há três meses e a previsão é que seja concluído até o fim de setembro.  O CEU Ismael Silva tem como proposta reunir num só local, programas e ações culturais, práticas esportivas e de lazer, formação e qualificação para o mercado de trabalho, serviços socioassistenciais, políticas de prevenção à violência e inclusão digital.“Essa ação integrada potencializa a presença do poder público em Jurujuba, cria oportunidades e novos horizontes para os jovens, além de atividades para as pessoas idosas. A retomada do CEU, com um leque de oportunidades, vai fazer com o que o bairro tenha uma qualidade de vida ainda melhor”, enfatiza André Diniz, presidente da FAN.Neste projeto, o cineteatro, que apresentou um problema no teto após uma forte chuva, foi reformado. A quadra poliesportiva recebeu lâmpadas de Led, nova pintura e teve a grade de proteção aumentada. A pista de skate e a pista de corrida estão sendo remodeladas. O playground também está sendo todo reformulado, assim como o telecentro. Toda a área interna onde funciona a secretaria regional e o Centro de Referência da Assistência Social (Cras) também passaram por reformas. Todas as salas receberam ar condicionado.Augusto Torres destaca a importância do espaço não só para o bairro, como para as regiões próximas, na oferta de cursos, oficinas e capacitação em diferentes áreas.      “Vamos ter cursos profissionalizantes, atividades de cultura e de esporte, como cinema, teatro, balé, jazz, judô, capoeira e vôlei, entre outras. Temos aqui ainda a biblioteca, o telecentro e as salas multiuso. O CEU beneficia não só aos moradores de Jurujuba, como de Charitas, Preventório, São Francisco, Grota do Surucucu e Cavalão. O espaço é aberto a todos”, diz o secretário regional.  Memória – O CEU de Jurujuba foi inaugurado em 2014, através de uma parceria entre a Prefeitura de Niterói e o Governo Federal, por meio do Ministério da Cultura. O espaço foi batizado com o nome do sambista Ismael Silva, numa homenagem ao compositor, nascido no bairro. Ele foi o fundador da pioneira escola de samba Deixa Falar, no morro de São Carlos, no bairro do Estácio de Sá, em 1928. Parceiro de Francisco Alves e Noel Rosa, é autor de sambas como 'Nem é Bom Falar', 'Se Você Jurar', 'Tristezas Não Pagam Dívidas', 'Me Faz Carinhos', 'Adeus', 'Antonico', entre outros tantos sucessos.

Veja também