Presidente do Fla revela motivo da saída de Jorge Jesus

Novo treinador já está no Brasil

Enviado Direto da Redação
O Mister estava há 13 meses comandando o Flamengo

O Mister estava há 13 meses comandando o Flamengo

Foto: Divulgação

A saída de Jorge Jesus pegou a todos de surpresa no Flamengo, inclusive, os membros da diretoria. Isso porque o técnico havia renovado o contrato com o time carioca em junho e ele não havia informado o seu desejo de mudar de clube. No entanto, recentemente, o presidente do Rubro-Negro, Rodolfo Landim, explicou que o 'Mister' já tinha comentado sobre a vontade de se aposentar no Benfica. 


"Na verdade, a gente não tinha expectativa de fato que o Jesus fosse sair. Ele falou para mim no jantar de despedida que o sonho dele era aposentar no Benfica, que não foi o clube que o lançou, mas foi o clube que na verdade ele se envolveu mais, que ele ficou mais famoso", contou Landim.


Jorge Jesus permaneceu no Flamengo por 13 meses e ajudou o clube a conquistar vitórias como: o Campeonato Carioca, a Supercopa do Brasil, o Campeonato Brasileiro, a Libertadores da América e a Recopa Sul-Americana. O 'Mister' comunicou que desejava sair do Flamengo no último dia 17 de junho, após uma proposta do Benfica.


"Ele tem uma relação emotiva forte não só com o clube, mas com o presidente… e o contrato que ofereceram para ele permitia a ele chegar aos 60 anos treinando o Benfica, que é a idade que ele havia planejado ser a aposentadoria dele e que ele queria se aposentar no Benfica", explicou também Landim. 


O Flamengo já anunciou sua nova contratação para substituir Jesus. O novo técnico do time da Gávea será Domènec Torrent, conhecido como "Dome". O novo treinador desembarcou no Brasil já nas primeiras horas da manhã desta segunda-feira (03) e deve começar a treinar a equipe já para o Brasileirão.

Veja também