Serginho, técnico e 'caça talentos', morre aos 64 anos em São Gonçalo

Sergio Antunes era treinador de projeto Karanba, ação socioesportiva norueguesa, da cidade

Enviado Direto da Redação
O treinador Sérgio Antunes, de 64 anos, faleceu nesta quinta-feira, em decorrência de um derrame. Serginho, como gostava de ser chamado pelos alunos do Karanba (projeto social em que trabalhava desde 2009), sempre foi muito querido por todos no mundo do futebol e na cidade. No comando do time do Karanba, foi bicampeão da Norway Cup e da Gothia Cup (2010 e 2011) e bicampeão da Dinamarca (2011 e 2012).; além de ter participado do crescimento de atletas de sucesso, como o goleiro Hélton - um dos grandes ídolos do Vasco da Gama e do Porto, de Portugal.
Em seu Instagram, Helton fez uma homenagem e escreveu: "Essa será a imagem que ficará para nós, meu amigo, irmão, conselheiro, pai... sempre presente para o que precisávamos com essa marca que você nos acostumou... o sorriso e a grande alegria. Sentiremos muito a sua falta... Que Papai do Céu te receba de braços abertos e que por cá, conforte os nossos corações para aceitarmos você ter saído do nosso lado. Te amaremos eternamente".
Com Hélton, Serginho participou de várias edições do  "A baliza é tua", um evento organizado pelo ex-goleiro para a formação de atletas em Portugal. Ele também passou por clubes como Portuguesa, Vasco da Gama e Al-Jahra, do Kwait. Nas Redes Sociais, tanto o projeto Karanba quanto amigos de profissão, homenagearam o treinador. 

Veja também