Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar down 5,0766 Euro up 5,2530
Search

Fluminense aposta na integração entre Futsal e campo

Metodologia é o segredo para o sucesso

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 11 de abril de 2020 - 17:20
O Fluminense aposta forte no desenvolvimento do Futsal
O Fluminense aposta forte no desenvolvimento do Futsal -

O Fluminense aposta forte no desenvolvimento do Futsal, como estratégia voltada para a formação de jogadores para o Futebol de Campo, e técnico do Sub-12, Dalmo Gimenes, é parte desse sistema. O treinador, que chegou ao Tricolor em 2011 para comandar Sub-9 do clube e desde 2018 está em Xerém preparando os novos garotos, acredita que a integração entre as quadras e a metodologia da base são os segredos para o surgimento de tantos craques no Centro de Treinamento do Vale das Laranjeiras (CTVL).

"A integração e nossa metodologia própria são fundamentais no nosso processo. No Sub-12, temos uma equipe bastante qualificada, que vêm das conquistas dos Campeonatos Metropolitano e Estadual do ano passado. Nosso principal objetivo é desenvolver jogadores para a equipe principal, mas sabemos que títulos são fundamentais. Esperamos dar sequência neste trabalho, fazendo com que nossos atletas sigam evoluindo não só como jogadores, mas principalmente como pessoas, tendo como base nossos valores praticados no clube. Nossa torcida pode esperar uma equipe que buscará o gol a todo momento, sendo protagonista, aguerrida e organizada dentro de campo", disse o treinador.

Dalmo Gimenes, ao chegar em Xerém, recebeu o Documento Orientador DNA Tricolor, que contém a metodologia própria de formação da base do Fluminense. O técnico contou que poder fazer parte deste processo de desenvolvimento mudou a forma dele trabalhar e viver.

"O DNA Tricolor significa muita coisa. Em um primeiro momento, me fez refletir muito sobre os conceitos que tinha comigo como treinador e como pessoa. A metodologia própria de Xerém nos dá um norte para aplicarmos nossas ideias e, por isso, temos alcançado resultados expressivos. E, por incrível que pareça, esses resultados não são apenas dentro de campo”, afirmou Dalmo Gimenes.

Dalmo esclarece que, com a ajuda de todo núcleo de trabalho que tem hoje o CTVL (Psicólogos, Pedagogas, Assistente Sociais, Fisiologistas, Nutricionistas, Médicos, Fisioterapeutas, Supervisão, Captação e o pessoal de apoio), o papel de treinador acaba sendo facilitado e o atleta recebe um suporte muito maior.

“Os garotos são potencializados não só como atleta, mas aprendendo que o lado social e escolar dele será de extrema importância para o seu futuro. Acredito muito que o ambiente prazeroso faz com que os garotos se desenvolvam melhor. O prazer pelo que se faz, na minha opinião, tem grande valia para o aprendizado. Eu procuro o tempo inteiro estar brincando com eles, mas sempre mantendo uma linha de respeito entre todos nós", explicou o técnico do Sub-12.

Matérias Relacionadas