Jogadores do Botafogo interrompem protestos por mais união no clube

Eles estão há mais de dois meses com os salários atrasados

Enviado Direto da Redação
Joel Carli fala sobre a decisão dos jogadores em voltar à sala de imprensa do clube

Joel Carli fala sobre a decisão dos jogadores em voltar à sala de imprensa do clube

Foto: Divulgação/ Vitor Silva/BFR

Os jogadores do Botafogo estão desde julho protestando contra seus salários atrasados. Endividados, eles estavam dando entrevistas fora da sala de imprensa do clube, onde ficam os símbolos dos patrocinadores do Botafogo, mas, parece que agora eles resolveram se unir e ter uma atitude de boa fé. Além disso, nas últimas 24 horas, o time sofreu baixas. Isso porque o presidente do conselho fiscal, Ricardo Wagner, e o vice de futebol, Gustavo Noronha, deixaram seus cargos.

O grupo de jogadores reuniu a imprensa para explicar que as coletivas vão voltar a ser na sala de imprensa do clube. O zagueiro do time, Joel Carli, explicou o motivo da decisão. "Vou começar falando, voltamos às coletivas aqui. Agradecemos a compreensão de vocês. Voltamos à normalidade para unir forças e dar o melhor pelo Botafogo. Por enquanto não foi acertado [salário], tem uma conversa rolando, vamos esperar o que vai acontecer. A decisão foi mesmo para unir forças e não nos preocuparmos com coisas extracampo.”

Ainda segundo os jogadores, os cartolas deixaram seus cargos no Botafogo para tentar reaproximar o ex-presidente, Carlos Augusto Montenegro, do time. Assim, Carlos tentará se unir para pagar os salários atrasados do clube. Vendo isso, os jogadores entenderam que também precisavam se unir pela melhoria do clube.

“Sabemos que o momento não é fácil, é delicado, estamos conscientes que dependemos da gente, estamos empenhados em fazer nosso melhor, continuar trabalhando firme, agora temos um jogo importante com o Flamengo, com nossa torcida, vamos entrar concentrados", continuou Carli.

O próximo desafio do Botafogo é contra o líder do Brasileirão, o Flamengo. O Rubro-Negro tem 71 pontos. Já o Alvinegro carioca está na 14° posição do campeonato, com 33 pontos. Eles se enfrentam na próxima quinta-feira (07), às 20h, no Estádio Nilton Santos.

Veja também