Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar down 5,1729 Euro up 5,2899
Search

Alunos de escolas estaduais do Rio são convocados para seleção brasileira

Menino foi convocado para a seleção de Karatê, enquanto menina vai representar o Brasil na seleção de futebol feminino

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 31 de julho de 2022 - 14:19
O estudante Lucas Mateus, do Colégio Estadual República de Guiné-Bissau, em Cordovil, é um dos atletas que foram classificados para a categoria júnior de até 76kg do Pan-Americano de Karatê
O estudante Lucas Mateus, do Colégio Estadual República de Guiné-Bissau, em Cordovil, é um dos atletas que foram classificados para a categoria júnior de até 76kg do Pan-Americano de Karatê -

A rede estadual de ensino do Rio de Janeiro, atualmente, é formada por cerca de 700 mil estudantes, no entanto, a história de dois jovens que moram na Zona Norte do Rio de Janeiro vem chamando a atenção. Eles estão se destacando, fora da sala de aula. Lucas Mateus, de 17 anos, e Nicole Rodrigues da Silva, 15 anos, têm em comum o sonho de conquistarem os seus objetivos através do esporte. E estão conseguindo. Eles acabam de ser convocados para representar o Brasil: ele em uma competição no México, no mês de agosto; e ela para o período de treinos visando à Copa do Mundo de futebol feminino sub-17, na Índia.

De um projeto social da Comunidade Cidade Alta, em Cordovil, para o mundo

O estudante Lucas Mateus, do Colégio Estadual República de Guiné-Bissau, em Cordovil, é um dos atletas que foram classificados para a categoria júnior de até 76kg do Pan-Americano de Karatê, que acontecerá no México, de 23 a 28 de agosto deste ano.

“Está sendo uma emoção muito grande estar vivenciando tudo isso. Desde pequeno,  sempre quis disputar importantes competições, e sonhava em estar junto com vários atletas de outros países”, contou o jovem.

Lucas deixa um recado para os amigos e estudantes de toda a rede: “O estudo é extremamente essencial para alcançarmos nossos objetivos, e nos faz olhar o mundo de uma forma diferente,” disse Lucas Mateus, com um sorriso emocionado.

Sub-17 Futebol feminino: lugar de mulher é onde ela quiser

Nicole Rodrigues da Silva, do Colégio Estadual Manoel Maurício, localizado em Anchieta, foi chamada para fazer parte de um período de treinos da seleção brasileira sub-17
Nicole Rodrigues da Silva, do Colégio Estadual Manoel Maurício, localizado em Anchieta, foi chamada para fazer parte de um período de treinos da seleção brasileira sub-17 |  Foto: Divulgação
 

Nicole Rodrigues da Silva, do Colégio Estadual Manoel Maurício, localizado em Anchieta, foi chamada para fazer parte de um período de treinos da seleção brasileira sub-17 de futebol feminino. Ela já está em São Paulo, onde o elenco se prepara para a disputa da Copa do Mundo da categoria, que será realizada em outubro, na índia. A atleta foi uma das quatro jogadoras do Fluminense convocadas para a preparação.

“É um sonho que eu já tinha comigo desde que iniciei no futebol. Estou muito orgulhosa de vestir a camisa do Brasil e buscarei com garra e determinação as nossas vitórias”, falou. 

O secretário de Estado de Educação do Rio de Janeiro, Alexandre Valle, afirma que o exemplo desses dois alunos precisa ser seguido, não só pelos estudantes da rede, como por todos os jovens.

“Sempre, faço questão de falar que a educação e o esporte são dois componentes essenciais de sucesso, que podem transformar milhares de pessoas”, disse Valle.

Matérias Relacionadas