Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar down 5,2527 Euro down 5,5051
Search

Niteroiense de 11 anos ganha primeiro lugar em torneio de Jiu-jitsu em SP

O atleta e seu professor buscam patrocínio para participar de torneio nos EUA

relogio min de leitura | Escrito por Daniel Magalhães | 24 de maio de 2022 - 18:45
Danilo conseguiu o 1º lugar em sua categoria
Danilo conseguiu o 1º lugar em sua categoria -

Mais um jovem atleta tem trilhado no caminho de sucesso do esporte. Após O SÃO GONÇALO noticiar os três lutadores de Jiu-Jitsu gonçalenses que conquistaram os primeiros lugares no Campeonato Brasileiro de Jiu-Jitsu, em São Paulo, o pequeno Danilo Pinho, de apenas 11 anos também conseguiu o 1º lugar no Campeonato Brasileiro de Jiu-Jitsu Infantil, na categoria Infantil 2, peso pesado, faixa cinza.

Niteroiense, Danilo é aluno da Escola Municipal João Brazil e morador do Morro do Castro. O atleta revelação é fruto também do projeto social Árvore de Bons Frutos, que é um projeto de artes marciais com aulas de modalidades esportivas para crianças, adolescentes e adultos há cerca de dois anos. Lá, o jovem é treinado pelo professor Carlos Kopke, que agora está focado em ajudar o jovem a ir para o Pan Kids de Jiu-Jitsu, que acontecerá nos Estados Unidos no fim de julho.

"Estamos muito impactados com tudo que Danilo mostrou neste campeonato, agora estamos correndo contra o tempo para que ele participe do Pan Kids na Flórida que será em Julho". Danilo é um garoto humilde de comunidade, muito focado e determinado que precisa de patrocínio para voar mais alto ainda", escreveu Kopke, que se mostra cada mais feliz com o resultado de seus ensinamentos ao jovem de apenas 11 anos. 

O atleta e seu professor buscam patrocínio para participar de torneio nos EUA
O atleta e seu professor buscam patrocínio para participar de torneio nos EUA |  Foto: Divulgação
 

"Eu acredito muito no poder da oportunidade, acredito que o esporte pode mudar a vida de qualquer pessoa. Hoje me sinto imensamente feliz pela conquista dele, e saber que o trabalho que venho fazendo está dando certo. Se Deus quiser e permitir, eu formarei muitos outros atletas", concluiu o professor, que beneficia cerca de 300 crianças através do esporte.

O professor reforça a importância de um patrocínio para que a carreira do Danilo Pinho 'decole'. Para ajudar na captação de patrocinadores ou se tornar um é possível entrar em contato com Carlos Kopke através de suas redes sociais

Matérias Relacionadas