Flamengo é denunciado por homofobia por não ter camisa 24

Ação foi movida pelo "Grupo Arco-Íris"

Escrito por Redação 10/01/2022 14:29, atualizado em 10/01/2022 14:29
Gabigol já vestiu a blusa de número 24 em uma ação contra a homofobia
Gabigol já vestiu a blusa de número 24 em uma ação contra a homofobia . Foto: Divulgação

O Flamengo virou alvo de uma denúncia por homofobia por não ter jogador vestindo a camisa de número 24 durante a Copa São Paulo de Futebol Júnior, a Copinha. O "Grupo Arco-Íris" moveu a ação. O mesmo coletivo já havia ido à Justiça contra a CBF durante a Copa América de 2021 pela mesma razão.

“Nem toda a homofobia é explícita. Muitas vezes, está implícita e disfarçada. A imagem que fica marcada não é a de um eventual dirigente ou atleta com uma suposta prática homofóbica, mas uma eventual suposta prática de discriminação homofóbica institucional”, disse Cláudio Nascimento, presidente do grupo.

O Grupo Arco-íris já havia denunciado o Flamengo no fim do ano passado pelo mesmo motivo no Tribunal de Justiça do Rio.

Em uma ação contra a homofobia, o jogador Gabriel Barbosa - o Gabigol - já vestiu a camisa de número 24 em campo.

Gostou da matéria?
Compartilhe!

Veja também

Mais lidas