Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar up 5,0950 Euro up 5,2611
Search

Jogadora de eSports de 19 anos é assassinada a facadas

Um estudante de 18 anos confessou o crime e foi preso

relogio min de leitura | Escrito por Redação | 24 de fevereiro de 2021 - 11:46
Ingrid Bueno foi morta a facadas por um gamer de 18 anos
Ingrid Bueno foi morta a facadas por um gamer de 18 anos -

Segundo informações do portal "The Clutch", na tarde da última segunda-feira (22), Ingrid Bueno, uma jogadora de eSports, foi encontrada morta a facadas em Pirituba, São Paulo. Um estudante de 18 anos, que também é um "gamer", confessou o ato e foi preso em flagrante. 

Ingrid era conhecida como Sol e jogava o game "Call of Duty: Mobile", pelo time FBI E-Sports. De acordo com a Policia Civil, ela conheceu o jovem que a assassinou em janeiro. Ele jogava o mesmo jogo e era integrante da equipe Gamers Elite.

Em nota, a equipe do jovem afirmou que só soube do ocorrido após ele enviar um vídeo no grupo de WhatsApp, supostamente gravado após o crime, junto com uma apologia ao terrorismo.

O jovem teria premeditado o assassinato de Sol e escrito um documento com os motivos de ter realizado o crime. Com isso, o grupo procurou imediatamente a polícia.

Segundo o Boletim de Ocorrência, Sol foi achada desmaiada pelo irmão do estudante. Em seguida, PMs se encaminharam até a casa do suspeito e a encontraram morta. O registro afirma que Ingrid apresentava várias facadas espalhadas pelo corpo.

Nas redes sociais, amigos e outros jogadores lamentaram a perda e postaram mensagens pedindo justiça pelo caso.

"Que este absurdo não fique impune e a justiça seja feita. Nossos mais profundos sentimentos. Somos contra o feminicídio", escreveu a equipe Unktec. "Que você possa descansar em paz e que a justiça seja feita", disse a equipe Jaguares. 

Matérias Relacionadas