Xuxa fala sobre querer ter netos: "quero poder brincar e pegar no colo"

Xuxa também falou sobre sua relação com o namorado

Enviado Direto da Redação
Xuxa deu entrevista através de vídeo para o programa Conversa com Bial

Xuxa deu entrevista através de vídeo para o programa Conversa com Bial

Foto: Reprodução/Internet

A apresentadora Xuxa Meneghel voltou a aparecer nas telinhas da Rede Globo na última madrugada no 'Conversa com Bial'. Na ocasião, Xuxa revelou que sente uma vontade imensa de ser avó. Ela também falou sobre seu envelhecimento e seu namoro com o ator e cantor Junno Andrade, com o qual ela está em um relacionamento há sete anos.


"Eu quero netos agora. A Sasha está com 21 anos, mas eu falo pra ela: 'Sem pressão minha filha, mas olha, vamos rápido porque eu quero poder brincar, levantar e pegar no colo", disse Xuxa em uma transmissão ao vivo durante o programa. Vale lembrar que Junno tem um neto que nasceu em 2017 e Xuxa pôde, então, curtir esse momento de "avô".


Bial ainda comentou que Xuxa, que hoje tem 57 anos, tem envelhecido bem, tanto fisicamente quanto mentalmente. Nesse momento, a Rainha dos Baixinhos revelou seu segredo.


"Olha, Bial, o fato de eu ter uma pessoa ao meu lado e que gosta de mim do jeito que eu sou dá uma ajuda legal", revelou Xuxa que também falou sobre carência.


"A sensualidade, sexualidade e a carência é muito forte. Então, se eu não tivesse uma pessoa do meu lado, acho que eu estaria fazendo muita coisa errada", revelou ela se referindo a Junno e mostrando como a relação dos dois é forte.


"Eu sou uma pessoa muito carente. De repente, eu poderia querer conhecer vários homens, ter vários relacionamentos, e isso não iria me acrescentar em nada. Então, foi bom eu ter conhecido alguém que eu amasse e que me amasse para poder me dar uma segurada", concluiu a cantora sobre o tema.


Xuxa também falou na entrevista que "aprendeu com erros" do passado ao se referir aos seus gestos e roupas adotados no programa infantil Xou da Xuxa, que era exibido na Rede Globo e durou quase três décadas.


"Se você parar para pensar e ver todos os meus programas de antigamente, ou quase todos, 80% das coisas que eu fazia era politicamente incorreto; a maneira que eu falava com as crianças, o jeito que eu me vestia e as músicas que tocavam. Eu teria sido crucificada se fizesse tudo isso hoje em dia", falou a Rainha dos Baixinhos.

Veja também