Artistas de Niterói vão se apresentar pela internet

Serão lives, vídeos, podcasts, e outras formas de comunicação que abrangem a cultura na rede

Enviado Direto da Redação

Foto: Divulgação

Diante das várias medidas que estão sendo tomadas para promover o isolamento social contra o novo coronavírus, a economia criativa começou a sofrer impactos. Com as casas de shows, teatros e cinemas fechados, foi declarado hoje (19) o lançamento de um edital municipal na área da cultura voltado para apresentações via internet a fim de mitigar os danos do coronavírus em Niterói, entretendo com arte e cultura as pessoas em casa com o programa "Arte na Rede", com pagamento de cache para artistas criarem conteúdo digital.


Serão lives, vídeos, podcasts, e outras formas de comunicação que abrangem a cultura na rede. Esta alternativa visa gerar renda para os artistas niteroienses, além de levar entretenimento e cultura para as pessoas em casa se precavendo do contágio do coronavírus (covid-19). O edital será lançado oficialmente amanhã (20) e também será dado auxílio de R$ 500,00 para cada micro empreendedor individual (MEI) do município como artesãos, artistas e outros segmentos.


Essa foi uma das medidas tomadas hoje, dentre outras como: reuniões entre o Executivo e Legislativo pela internet para evitar o contágio, fechamento de salões de beleza e cabeleireiros, academias de ginástica, bares e cursos de, línguas, assim como suspensão da cobrança do Niterói Rotativo por pelo menos 30 dias, antecipação do décimo terceiro de servidores públicos municipais e distribuição de 32 mil cestas básicas até segunda para as crianças da rede pública municipal.

Veja também