Instagram Facebook Twitter Whatsapp
Dólar down 5,2536 Euro down 5,4994
Search

Mariana do VR de R$ 900: conheça Mariana Andrade, a gonçalense que ganhou fama nas redes sociais após um boato sobre seu ex-namorado

O caso viralizou nas redes na última segunda-feira (23) e terça-feira (24)

relogio min de leitura | Escrito por Ana Carolina Moraes | 25 de agosto de 2021 - 11:35
Mariana é gonçalense e tem 22 anos
Mariana é gonçalense e tem 22 anos -

Se você usa o Twitter ou o Instagram com frequência provavelmente viu algo relacionado sobre a 'Mariana do VR de R$ 900'. Ela ficou "famosa" depois que uma menina ouviu o suposto namorado de Mariana comentar que estava com ela por causa do vale refeição que ela ganhava do estágio no valor de R$ 900. No entanto, engana-se quem acredita que a história é essa! No final, Mariana é uma gonçalense solteira e o menino que fez o comentário sobre ela é seu ex-namorado. O ex-casal é amigo e o tweet que viralizou sobre o caso não conta a história completa do ocorrido. Mariana concedeu uma entrevista ao O SÃO GONÇALO, onde esclareceu tudo o que houve e contou quem ela verdadeiramente é, para além do sucesso na internet. 

Tudo começou na segunda-feira (23), quando, às 22h, a jovem Mariana Andrade, de 22 anos, que estuda arquivologia na Universidade Federal Fluminense (UFF) chegou em sua casa, após o estágio, e entrou nas redes sociais, como de costume. A jovem viu, então o seguinte tweet: 

Esse é o tweet que deu início ao caso
Esse é o tweet que deu início ao caso |  Foto: Reprodução/Internet
 

De início, Mariana contou que não imaginou que se tratava dela, já que ela está solteira. "Um amigo meu me mandou o tweet e me falou que achou muita coincidência uma outra Mariana, que estagia na Eletrobrás, mas sabia que não era eu, pois eu nem tenho namorado. Passou um tempo, as páginas em Niterói compartilharam e eu até brinquei no meu Stories com o caso colocando que até eu achei que fosse eu. Foi aí que, em questão de minutos, começaram a chegar muitas solicitações de mensagem de pessoas que não me seguiam na minha caixa de mensagens do Instagram. Elas me perguntavam se era eu e eu disse que não, pois não namorava, mas comecei a ficar curiosa. Vi no Twitter que, depois disso, muitas pessoas estavam compartilhando minha foto como se eu fosse a Mariana. Eles acharam o meu Linkedin, meu Instagram e começaram a compartilhar", disse a jovem.

Após isso, a menina que fez a publicação inicial no Twitter contando a fofoca achou o Instagram de Mariana e conversou com ela, explicando o caso e passando toda a descrição do menino envolvido. Foi aí que Mariana entendeu que se tratava de um ex-namorado seu. "Depois disso, foi loucura! Meus Stories no Instagram começaram a bater mais de 8 mil visualizações em uma hora, minha caixa de mensagem lotou e o tweet teve 30 mil curtidas. Eu cheguei a ter medo da proporção disso tudo. Foi aí que me pronunciei desmentindo o valor do VR e depois explicando que o menino não era meu namorado, mas sim meu ex. A gente teve um relacionamento de quatro anos, mas já não estamos juntos há três. No entanto, continuamos amigos e ele sabe que eu estou estagiando na Eletrobrás", disse ela. O OSG descobriu que o valor do VR fica na casa dos R$ 600 e não R$900. O tema 'Mariana do VR de 900 reais' chegou a parar nos assuntos mais comentados do Twitter ontem (24).

A jovem é solteira e o caso que gerou toda a repercussão foi com o ex dela
A jovem é solteira e o caso que gerou toda a repercussão foi com o ex dela |  Foto: Reprodução/Internet
 

Foi aí que Mariana começou a entender o que realmente tinha ocorrido. "Eu entendi a menina, ela fez o tweet querendo me avisar e eu achei muito legal da parte dela, mas acabou que eu conversei com ela e meu ex e entendi o que ocorreu. Meu ex, na verdade, estava falando sobre como eu estava em um estágio na Eletrobrás, que é tudo que um aluno de arquivologia quer, era meu sonho e eu consegui. Ele estava comentando disso e chegou a falar do VR, mas ele disse o valor errado. No fim, até a menina veio me pedir desculpas e se retratou, pois ela juntou o que ela ouviu antes sobre outra coisa que ele disse com a questão do VR e entendeu que ele estava falando no sentindo de me enganar e estar comigo pelo dinheiro, mas não estamos juntos e ele estava comentando sobre eu realizar o meu sonho. Ele também se retratou no perfil dele explicando toda a história e a menina que fez a publicação explicou no dela. Eu e ele somos amigos!", contou Mariana.

Sobre todo o ocorrido, Mariana explica que viveu o lado bom da internet, mas conheceu também o lado ruim. "Foi algo que eu não imaginava. A hastag da história apareceu na Fátima Bernardes, meus stories bateram mais de 80 mil visualizações e eu recebi muita mensagem das pessoas que achavam que eu estava com o meu ex e que ele estava me enganando. Ainda nem consegui responder todas! Foi muito carinho de muita gente. Confesso que quando você vê todo esse sucesso com outras pessoas é legal, mas quando ocorre com você é chocante. Eu vivi um lado bom da internet, mas o meu ex viveu um lado ruim. As pessoas acharam o perfil dele e ele recebeu muitas mensagens ofensivas, mensagens que eu mesma não conseguiria lidar após um dia de praia. A dona do post também recebeu algumas mensagens ruins. Eu queria dizer que não compactuo com haters!", disse a estudante de arquivologia. 

Mariana disse que pretende usar suas redes e seu novo alcance com visualizações para falar sobre educação e profissão com as pessoas. "Eu pretendo falar sobre o estágio na Eletrobrás no meu perfil, pois muita gente ficou interessada e é legal! Pretendo também comentar mais sobre o meu curso de arquivologia, pois poucas pessoas o conhecem. Eu tenho meus sonhos acadêmicos também e pretendo seguir com eles", disse ela que está no sexto período de oito no curso.

Mariana estuda arquivologia na UFF
Mariana estuda arquivologia na UFF |  Foto: Reprodução/Internet
 

Mariana se mostrou uma jovem focada em seus estudos e em seus sonhos acadêmicos. "Eu acho que a forma com a qual eu lidei com isso diz muito sobre mim. Eu sou totalmente de boa, tento ao máximo trazer alegria para os meus amigos e foi o que eu fiz, arranquei sorrisos das pessoas. Eu sou a Mariana filha, a Mariana neta, totalmente família, alto astral e totalmente praiana. A praia é o lugar que eu mais gosto de estar nada é por acaso, já que o que aconteceu foi na praia. Isso tudo ocorreu com o máximo de humor possível e é isso o que ocorreu no dia a dia. Já tem coisas ruins no mundo e o que eu puder fazer para as pessoas terem uma vida mais leve, farei!", explicou a jovem.  

Mariana se considera uma pessoa alto astral e família
Mariana se considera uma pessoa alto astral e família |  Foto: Reprodução/Internet
 

Mariana, atualmente, tem 5.271 seguidores em seu Instagram (@maridovr900).

Marcas fizeram propaganda com o caso de Mariana:

Algumas marcas aproveitaram o caso desde segunda-feira (23) e utilizaram a brincadeira do suposto valor do VR de Mariana para divulgar seus produtos. Veja algum desses casos de marketing:

O Ifood utilizou do caso em seu marketing
O Ifood utilizou do caso em seu marketing |  Foto: Reprodução/Internet
 
A Kibom utilizou do caso em seu marketing
A Kibom utilizou do caso em seu marketing |  Foto: Reprodução/Internet
 
A Cacau Show utilizou do caso em seu marketing
A Cacau Show utilizou do caso em seu marketing |  Foto: Reprodução/Internet
 
A Prefeitura de Niterói utilizou do caso em seu marketing para divulgar as vacinas contra a Covid-19
A Prefeitura de Niterói utilizou do caso em seu marketing para divulgar as vacinas contra a Covid-19 |  Foto: Reprodução/Internet
 
A Brahma utilizou do caso em seu marketing
A Brahma utilizou do caso em seu marketing |  Foto: Reprodução/Internet
 

Matérias Relacionadas