Obra inacabada da Prefeitura de SG causa transtornos na Covanca

Moradores e comerciantes contam que a obra tem causado prejuízos.

Enviado Direto da Redação
Moradores e comerciantes contam que a obra tem causado prejuízos

Moradores e comerciantes contam que a obra tem causado prejuízos

Foto: Kiko Charret


Por Myllena Vianna e Cyntia Fonseca


Há 2 meses moradores e comerciantes se queixam de uma obra inacabada na Rua Marechal Floriano Peixoto, na Covanca, em São Gonçalo.


Segundo os moradores, o problema começou quando a Prefeitura de São Gonçalo iniciou uma obra de aterramento de manilha por conta do entupimento de esgoto. Após fortes chuvas, a calçada se levantou e a secretaria de obras interditou o local.


De acordo com a dona de casa Elaine Campos, de 40 anos, os alunos do Colégio Brasil Esperança, localizada ao lado da calçada e pedestres que passam pela região possuem dificuldade de caminhar na via, já que a calçada está interditada.


"A rua é bem movimentada de carros e principalmente no horário de entrada e saída dos estudantes. Como a calçada está interditada, temos que passar pela rua. É um absurdo o que estão fazendo".


Luiz Artur Lacerda, de 48 anos, proprietário da esquadrilha de alumínios afirma que a loja caiu de rendimento após o problema. ”Nós já estivemos várias vezes na 4ª divisão de conservação e até agora nada foi feito. A Prefeitura passa o problema para a CEDAE e a companhia diz que a responsabilidade de esgoto não pertence a ela".


O comerciante contou ainda que a responsável pela divisão de conservação da Prefeitura, propôs que ele e outros moradores comprassem manilhas e o material necessário, como martelete para a conclusão da obra. “A diretora quis fazer um acordo comigo e com outros moradores para que comprássemos as manilhas e alugassemos o material necessário. A Prefeitura realizaria apenas a obra


Veja também