Irmãos inovam com cachorro-quente artesanal no Barro Vermelho

Sabor tem surpreendido os clientes

Enviado Direto da Redação
Sabor tem surpreendido os clientes

Sabor tem surpreendido os clientes

Foto: Leonardo Ferraz

Por Thuany Dossares

Pensando em oferecer um novo conceito de lanches em São Gonçalo, os irmãos Tiorge e Tiago Lima da Rosa, de 35 e 30 anos, respectivamente, criaram a dogueria Gold Dog, no Barro Vermelho. Há oito meses no mercado, eles fazem cachorros-quentes artesanais.

“O DNA da Gold Dog é surpreender as pessoas. Não queria abrir a dogueria para vender os cachorros-quentes que todo mundo vende. Nosso diferencial está nos ingredientes, no modo de preparo do pão e da salsicha, que são feitos na chapa, no molho pomodoro que leva duas horas para ficar pronto”, contou o chefe de cozinha Tiorge.

Desde 2016, os irmãos trabalhavam no ramo alimentício com uma hamburgueria, mas já tinham em mente fazer algo diferente e em julho do ano passado inauguraram a dogueria. Formado em gastronomia, Tiorge, que cozinha desde os 12, explicou como começou a criar seu cardápio e o porquê de abrir a loja em São Gonçalo.

“Mesmo com a hamburgueria, eu comecei a fazer cachorro quente, mas pensando fora da caixinha, testava receitas”, explicou.

O cardápio da Gold Dog conta com cachorros-quentes com bacon, batata frita, anéis de cebola, calabresas, molhos artesanais e até mesmo cachorro-quente na versão light.

A dogueria fica na Rua Heitor Levi, no Barro Vermelho, e funciona de quarta-feira a domingo, das 18h30 às 23h. A Gold Dog também conta com serviço Delivery no WhatsApp 21 97290-6032.

Sabor tem surpreendido os clientes
Sabor tem surpreendido os clientes | Foto: Leonardo Ferraz

Veja também