23 de Setembro de 2014

Polícia
Enviado por Ricardo França e Adriana Bernardo 16/9/2011 23:35:49

Assassinato em Niterói

O mestre de obras Olindino Francisco de Barros, 62, foi assassinado com um tiro no peito, na tarde de ontem, numa “saidinha de banco”, dentro de um estacionamento na Rua Marquês de Caxias, no centro de Niterói. Responsável pelo pagamento dos operários de uma construção na Avenida Visconde de Rio Branco, próximo ao local do crime, ele cumpria a mesma rotina toda sexta-feira: sacava o dinheiro numa agência bancária do Centro do Rio e se dirigia à obra para efetuar o pagamento. De acordo com a polícia, ele teria sacado R$ 29 mil no banco Santander, na Rua México.

Policiais do Setor de Homicídios da 76ª DP (Centro-Niterói), vão investigar se Olindino foi seguido pelos criminosos quando saiu da agência bancária ou se os criminosos já o esperavam no estacionamento. De acordo com um policial, o funcionário do estacionamento disse que viu o Uno prata de Olindino entrar e o momento em que ele foi abordado pelo criminoso, reagindo ao assalto. Em seguida escutou o tiro e viu um homem indo embora. O estacionamento tem câmeras, mas que não grava imagens.

De acordo com familiares, Olindino trabalhava na empresa FL Engenharia há 17 anos, juntamente com irmãos, filhos e sobrinhos. “Todos trabalhávamos na mesma empresa”, disse um dos sobrinhos, que estava na obra e chegou ao local assim que soube do ocorrido.

Os irmãos, o filho e os sobrinhos estavam inconsoláveis. Olindino era casado e deixou cinco filhos. “Não somos daqui, somos todos de Nova Iguaçu, apenas trabalhamos juntos na mesma empresa”, disse outro sobrinho da vítima.





<< Primeira < Anterior   [ 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10  ] Próxima > Última >>

Expediente | Anuncie Aqui | Trabalhe Conosco | Twitter | Comunidade no Orkut | RSS | Fale Conosco
©Copyright O SÃO GONÇALO - Todos os direitos Reservados

Ilhota Leste Comunicação