22 de Outubro de 2014

Polícia
Enviado por Sany Medeiros 17/2/2010 23:49:30

Bandido baleado em assalto é abandonado morto

O assaltante que fugiu baleado no roubo à Joalheria e Relojoaria Thay’s, localizada na Avenida 18 do Forte, no Mutuá, no último dia 6, foi identificado como Davi Andelcio Pinto, de 50 anos. Ele foi encontrado morto, horas depois do assalto, dentro de um Fiat Palio, usado na fuga pelos criminosos, em São Cristóvão, no Rio. De acordo com a polícia, os comparsas abandonaram o corpo de Davi logo depois de atravessarem a Ponte Rio-Niterói. Outro assaltante foi morto durante o roubo.

Davi foi apontado pela polícia como integrante do bando que assaltou a joalheria. Na ação, ele trocou tiros com um policial e um bombeiro que estariam como clientes no comércio. Baleado nas costas, ele foi arrastado por outros três comparsas para dentro do carro. “Provavelmente, ele morreu no caminho e os outros homens resolveram abandoná-lo dentro do veículo, logo após a descida da Ponte”, opinou um policial.

Outro assaltante – Robson Ferreira, de 47 anos – morreu dentro da loja. Ele tinha várias anotações criminais por roubo desde 1986. Policiais da 72ª DP (Mutuá), onde o crime foi registrado, tentam identificar os outros três envolvidos no crime, que deixou o bombeiro e o policial baleados, com base em imagens do circuito interno de tv da joalheria, que flagrou toda a ação.

O policial e o bombeiro foram hospitalizados, mas receberam alta no mesmo dia.





<< Primeira < Anterior   [ 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10  ] Próxima > Última >>

Expediente | Anuncie Aqui | Trabalhe Conosco | Twitter | Comunidade no Orkut | RSS | Fale Conosco
©Copyright O SÃO GONÇALO - Todos os direitos Reservados

Ilhota Leste Comunicação