Hemorio retoma vacinação para doadores de sangue contra a febre amarela

Ação acontece até o próximo sábado

Enviado Direto da Redação
Doação e vacinação no Hemorio

Doação e vacinação no Hemorio

Foto: Divulgação


Desde ontem, o Hemorio, que concentra as doações de sangue no Estado do Rio de Janeiro, retomou a vacinação contra a febre amarela. Os voluntários que doarem sangue ou os que forem considerados inaptos após passar por triagem clínica, poderão receber a dose. A ação acontece até o dia 3 de fevereiro.


“A campanha da semana passada foi um sucesso. Conseguimos mobilizar a população em dose dupla, aumentando o número de pessoas vacinadas contra a doença e também coletando mais bolsas de sangue, em uma época de baixa nos estoques. Por isso, vamos repetir mais uma semana e contamos novamente com o apoio de todos”, disse o secretário de Estado de Saúde, Luiz Antonio Teixeira Jr.


Em seis dias de vacinação, na última semana, o hemocentro aplicou 2.4 mil doses da vacina e coletou 2.601 bolsas de sangue. A ação visa manter os estoques de sangue, já que quem toma a vacina precisa esperar quatro semanas para doar.


“Contamos novamente com a colaboração da população nesses próximos dias, para coletar mais bolsas de sangue e vacinar mais candidatos à doação”, comenta o diretor geral do Hemorio, Luiz Amorim.


Quem pode doar - É preciso ter entre 16 e 69 anos, pesar mais de 50 kg, estar bem de saúde e portar um documento de identidade oficial com foto. Jovens com 16 e 17 anos só podem doar sangue com autorização dos pais ou responsáveis legais (modelo da autorização:


http://www.hemorio.rj.gov. br/html/ pdf/Menor_idade.pdf). Não é necessário estar em jejum, mas é preciso evitar alimentos gordurosos nas quatro horas que antecedem a doação e bebidas alcoólicas 12 horas antes.


O Hemorio funciona todos os dias, inclusive sábados, domingos e feriados, das 7h às 18h, na Rua Frei Caneca, n° 8, no centro do Rio.


Veja também