Operação no Palácio termina com suspeito morto e fuzil apreendido

Bandidos foram flagrados fugindo pela manhã

Enviado Direto da Redação

Por Renata Sena

Uma operação de militares do 12ª BPM (Niterói), com apoio de PMs lotados no 7º BPM (São Gonçalo), no 35º BPM (Itaboraí) e de agentes da Polícia Civil, foi desencadeada na manhã de ontem, nas comunidades do Palácio, no Ingá, e Estado e Arroz, no Centro de Niterói. Na ação, um suspeito foi morto e um menor, um fuzil e drogas apreendidos.

A operação aconteceu ao longo de toda manhã e diversos confrontos foram registrados nas comunidades. Logo cedo, com a chegada da polícia, bandidos fortemente armados foram flagrados por câmeras de seguranças fugindo da comunidade. Nas imagens é possível escutar o barulho dos tiros, enquanto os homens roubam um carro para fugir do local.

O vídeo, gravado pouco depois das seis da manhã, mostra diversos homens descendo por uma área de mata, acessando a Avenida Almirante Benjamin Sodré, em Boa Viagem, e roubando um carro para fugir. Durante toda a ação, é possível ouvir tiros de fuzil ao fundo.

O veículo roubado foi localizado, horas depois, na comunidade do Preventório, em Charitas. Para auxiliar na busca pelos criminosos, policiais civis e militares utilizaram drones para tentar flagrar os bandidos.

No Palácio, depois de confrontos entre traficantes e policiais, um suspeito foi baleado e acabou morrendo na área de mata da comunidade. Agentes da Divisão de Homicídios de Niterói, Itaboraí e São Gonçalo foram acionados ao local e registraram o caso como homicídio decorrente de intervenção policial.

O menor apreendido, de acordo com a polícia, estava com um fuzil. Drogas e pistola, que também foram apreendidos, foram apresentados na Central de Flagrantes da área.

Veja também