Deputado federal Altineu Cortes tem metas para retomada do Comperj

Altineu foi reeleito com 55.367 votos

Enviado Direto da Redação
Altineu pretende se reunir com o diretor da Petrobras após o segundo turno das eleições

Altineu pretende se reunir com o diretor da Petrobras após o segundo turno das eleições

Foto: Luiz Nicolela

O deputado federal Altineu Cortes (PR), reeleito com 55.367 de votos válidos, já está em Brasília, e reafirmou, nesta quarta-feira a O SÃO GONÇALO, seu compromisso em articular no Congresso Nacional, meios para que as obras do Complexo Petroquímico do Estado do Rio de Janeiro (Comperj), em Itaboraí sejam retomadas.

“Já estou tendo reuniões referentes ao tema e ainda este ano continuarei a minha luta em prol da volta do Comperj. Inclusive, quero ter uma reunião com a diretoria da Petrobras depois deste período eleitoral para entender melhor esse processo e as intenções que eles têm sobre o Comperj. Vou questionar, por exemplo, sobre essa política da Petrobras de produzir fora do país, já que sou relator de um projeto que defende maior produção da Petrobras em território nacional”, disse Altineu que lamentou o baixo número de candidatos da região terem sido eleitos.

“Lamento muito por companheiros de São Gonçalo e Itaboraí não terem conseguido êxito mas foi uma eleição diferente e muito difícil”, comentou o parlamentar que apoiou Romário (Podemos) como governador.

Sobre o returno das eleições, Altineu informou que deverá se posicionar em prol de Wilson Witzel (PSC) para o Governo do Rio e Jair Bolsonaro (PSL) à Presidência da República.

“Witzel já entrou em contato comigo e, nesta semana, teremos uma reunião. Estamos de acordo sobre seu plano de governo, e eu acho que ele é o melhor caminho para o Estado. Após o primeiro turno, estive com Romário e ele também deve apoiar Witzel. Para presidente, tudo indica que, de fato, iremos apoiar o Bolsonaro porque todo nosso grupo de deputados, vereadores e apoiadores querem seguir neste sentido”, revelou.

Veja também