Perseguição a ladrões de carga termina em confronto na BR-101

Vigilantes eram mantidos reféns pelos bandidos

Enviado Direto da Redação

Dois vigilantes foram resgatados da mala de um carro após perseguição de agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) a ladrões de cargas, na Rodovia Niterói-Manilha (BR-101), na manhã desta terça-feira (12). Durante a ação, os criminosos - que estavam armados com fuzis e pistolas - chegaram a lançar duas granadas na rodovia. Os artefatos, no entanto, não explodiram.


De acordo com a polícia, ocupantes de um Hyundai LX 35 preto, roubado, assaltaram um caminhão de cargas de celulares na BR-493 (Manilha-Magé). Os vigilantes que faziam a escolta da mercadoria foram colocados no porta-malas do veículo. O motorista foi obrigado a seguir com os bandidos em outro carro.  


Os agentes conseguiram interceptar o Hyundai no pedágio, em Manilha, sentido Niterói. Os criminosos chegaram a ameaçar parar, mas depois aceleraram, iniciando a perseguição. Na altura do Jardim Catarina, os bandidos jogaram duas granadas na pista e atiraram contra os policiais. Após colidirem com o veículo contra um carro, o bando conseguiu fugir a pé. 


No confronto, um funcionário de uma empresa de telefonia foi atingido por estilhaços. Ele foi socorrido pela equipe de resgate da Autopista Fluminense. O motorista do caminhão, que também havia sido sequestrado pelos criminosos, foi liberado dentro do Jardim Catarina.


O carro da escolta e o caminhão foram encontrados abandonados na Rio-Magé. A carga não foi encontrada. 

Veja também