Casal e filha de 10 anos são assassinados no Barro Vermelho

Enviado direto da Redação
Família foi executada durante a madrugada. Casa não apresenta sinais de arrombamento ou furto.

Família foi executada durante a madrugada. Casa não apresenta sinais de arrombamento ou furto.

Foto:
Pai, mãe e filha foram mortos na madrugada desta sexta-feira, dentro de casa, no Barro Vermelho, em São Gonçalo. Soraya Gonçalves de Resende, de 38 anos, seu marido Wagner da Silva Salgado, 42, e a filha do casal Geovanna Resende Salgado, de 10 anos, foram assassinados enquanto dormiam. De acordo com a polícia, não há sinais de arrombamento na casa.

O crime aconteceu no apartamento onde a família morava, na Rua Aurélio Pinheiro, por volta das 4h. De acordo com informações de vizinhos, ninguém ouviu os disparos.

Os corpos foram encontrados por volta das 5h, por um vizinho que estava saindo para o trabalho. Ele percebeu a porta da casa entreaberta e escutou os gemidos de Wagner. O Corpo de Bombeiros chegou ao local e constatou as mortes de Soraya e Geovanna. Wagner ainda foi levado para o Hospital Estadual Alberto Torres (Heat), mas não resistiu e morreu.

Segundo a Divisão de Homicídios (DH), responsável pelo caso, não há sinais de arrombamento ou furtos na casa.

Wagner era membro da diretoria da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) de São Gonçalo. A instituição ainda não se pronunciou sobre o caso.

Veja também