Maricá será sede de jogos indígenas durante feriadão

Enviado Direto da Redação
Além dos jogos indígenas, público poderá participar de apresentações de canto, dança, e fazer pinturas corporais

Além dos jogos indígenas, público poderá participar de apresentações de canto, dança, e fazer pinturas corporais

Foto: Divulgação
Com o apoio da Prefeitura, a Aldeia Kaaguy Hovy Porã (Mata Verde Bonita) realiza, a partir de amanhã, a Jornada Esportiva e Cultural Indígena (Jeci), jogos coletivos e típicos, com disputas de corrida com tora, cabo de guerra e futebol. Haverá também provas individuais de tiro com arco, arremesso de lança e natação, no canal do Rio Bambu, próximo à aldeia. Entre as etnias convidadas para o evento estão a Pataxó da Bahia e Pataxó Jaguaretê (Angra dos Reis), Fulni-ô (Pernambuco), Huni Kuyn e Yawanawá (Acre), Carajá (Tocantins), Guajajara (Maranhão), Xavante (leste de Mato Grosso e Goiás), Bororo (Mato Grosso) e Puri (Rio de Janeiro e Minas Gerais).

Segundo os organizadores, o evento vai fomentar a valorização do esporte, além de mostrar a energia dos índios nas performances esportivas, talento artístico no artesanato, nas pinturas corporais e adornos, nos cantos e danças, na culinária, espiritualidade e conhecimento ancestral das plantas. O público terá a oportunidade de conhecer as construções tradicionais guarani erguidas na aldeia e de falar de bioconstrução e cultivo orgânico.

O Jeci será aberto ao público a partir de sexta-feira. Além dos jogos, acontecerão simultaneamente apresentações de canto, dança, além da mostra de culinária típica. O visitante poderá comprar objetos de artesanato, fazer pinturas corporais e participar de rituais de cura e cura individual dos pajés. Nesse caso, é preciso fazer inscrição antecipada através do e-mail veratete@hotmail.com.

Veja também