Igreja Matriz de São Gonçalo ganha memorial histórico

Espaço com exposição de fotografias da história da paróquia é aberto ao público

Enviado Direto da Redação
Igreja Matriz de São Gonçalo passa por restauração e é estudada por pesquisadores e historiadores de universidade estadual

Igreja Matriz de São Gonçalo passa por restauração e é estudada por pesquisadores e historiadores de universidade estadual

Foto: Julio Diniz

Por Marcela Freitas

Conhecer a história da cidade através de um memorial descritivo datado dos séculos XVII, XVIII e XIX. Essa é a proposta da Igreja Matriz de São Gonçalo que com um grupo de pesquisadores e historiadores da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (Uerj) abriu para visitas públicas, o memorial da Igreja Matriz de São Gonçalo.

De acordo com o professor de História da Uerj, Rui Aniceto, o mini museu não é apenas para valorização religiosa, mas um espaço de promoção histórica local. “Essa é uma exposição permanente, onde podem ser vistas imagens sacras, objetos de construção civil, litúrgicos e fotografias, todos datados de séculos passados”, explicou.

Ainda de acordo com Rui, o Memorial é aberto para a população em geral, mas tem como público alvo, os estudantes. “As visitas, que acontecem de terça à sexta, são guiadas por monitores profissionais de História, que estão capacitados para orientar o visitante”, explicou.

De acordo com Rui, o memorial surgiu como desdobramento das atividades da comissão de História que está acompanhando as obras de restauração da Igreja Matriz. “Começamos em 2016, o levantamento histórico da igreja e a identificação dos acervos e materiais no templo. Com a reunião desses objetos, em janeiro de 2017, criou-se o memorial, que é um espaço de exposição de fotografias que contam a história da paróquia”.

O estudante Alex Costa, 41, é um dos que coordena a visita. “Em caso de grupos de mais de 15 pessoas, pedimos que essa vista seja agendada na secretaria da paróquia, mas a visita de menor grupo pode ser feita sem marcação”, explicou.

O Memorial funciona às terças e quintas-feiras, das 14h às 17h; e às quartas e sextas, das 9h às 12h. Para mais informações, basta ligar para 2712-1000 – opção 4.

Veja também