Escola entrega sinopse a compositores em SG

Enviado Direto da Redação

Os compositores da escola Império Gonçalense receberão, amanhã, a sinopse do enredo do Carnaval 2018, “Timbó”, do carnavalesco Leandro Valente. O encontro acontecerá no Tamoio Futebol Clube, na Brasilândia, às 20h, e, na ocasião, também será realizada a explanação do tema. Idealizada no ano passado e formalizada no início deste ano, a Império Gonçalense, do Porto Novo, será a 13ª escola a desfilar na Intendente Magalhães, em Campinho, no Rio, pela Série E, da Liga Independente das Escolas de Samba da Série B (Liesb), no dia 17 de fevereiro de 2018.

Para o enredo de estreia, Leandro Valente escolheu “Timbó”, uma história que irá reunir África, Brasil e São Gonçalo, em diferentes nuances.

Para o carnavalesco, que iniciou na Unidos do Porto da Pedra, com passagens também pela Tradição e Imperatriz Dona Leopoldina, de Porto Alegre, Rio Grande do Sul, o primeiro espetáculo da Império Gonçalense precisava de uma história forte.

A lenda indígena e paraense de Timbó será contada com um pouco de história real. O personagem foi um nobre africano, guerreiro considerado grande feiticeiro, que se instalou na Ilha de Marajó. Em Marajó, ele conseguiu manifestar suas boas ações.

Além de Leandro Valente, que tem um currículo extenso de trabalhos em grandes agremiações, a escola contratou outros nomes importantes. São eles: Léo Brito como mestre de bateria e o coreógrafo Rodrigo Avellar. Na diretoria, Carolina Ribeiro, Carlinhos Ratão, presidente da Unidos do Marimbondo; e Chicão, líder comunitário no Porto Novo.

Veja também