São Gonçalo sorteia moradias

Apartamentos do “Minha Casa Minha Vida” no Jóquei beneficiam 480 famílias

Enviado Direto da Redação

O sorteio dos apartamentos aconteceu no Colégio Castelo Branco, no Boassu, ontem

Foto: Divulgação

O sonho da casa própria está virando realidade para mais 480 famílias inscritas no programa “Minha Casa Minha Vida” em São Gonçalo. A secretária de Desenvolvimento Social, Habitação e Infância e Adolescência, Ana Cristina da Silva, participou, ontem, do sorteio para escolher os apartamentos em que essas famílias irão morar dentro de poucos dias. Os futuros proprietários dos Condomínios “Cozumel I” e “Aruba”, no bairro do Jóquei, estiveram presentes no Colégio Municipal Presidente Castelo Branco, no Boassu. O evento contou com a participação de representantes da Caixa Econômica Federal.

“Estamos realizando mais um sorteio do “Minha Casa Minha Vida” e, em breve, estaremos efetivamente entregando as chaves da nova moradia. As ações da secretaria têm acontecido com muita velocidade e com muito trabalho, a pedido do prefeito Neilton Mulim. Estamos acelerando todo o processo de entrega dos empreendimentos, pois sabemos das necessidades que as famílias que ali estão inscritas se encontram”, declarou a secretária Ana Cristina.

Inicialmente, idosos e deficientes físicos participaram do sorteio dos apartamentos localizados no térreo e que são adaptados. Os condomínios ficam localizados na Avenida do Contorno, no Jóquei. As moradias possuem área privativa composta por dois quartos, circulação, sala, cozinha, banheiro, área de serviço e piso cerâmico em todos os ambientes, além de centro social com churrasqueira, playground, mesas e quadra esportiva.

O aposentado Plutarco Cordeiro Salgado, de 52 anos, foi um dos contemplados. “Estou realizando o meu maior sonho. Eu moro de favor, há 18 anos, no Jardim Catarina e, há nove anos, me inscrevi no programa. Tenho uma deficiência visual e tenho um filho deficiente também. Eu e a minha família estamos muito felizes e não vemos a hora de nos mudarmos para a casa nova”, declarou o aposentado.

A secretária adjunta de Habitação, Evangelina Andrade, disse que o governo ainda vai entregar, até o fim deste ano, outras duas mil moradias. “O nosso governo é sabedor da grande dificuldade do déficit habitacional da cidade. O prefeito Neilton Mulim tem se empenhado em buscar emendas para que essa realidade mude. Desde o início do governo, entregamos 2.980 apartamentos. Até o fim deste ano, mais duas mil famílias serão contempladas”, finalizou.

3 (1) cópia

Veja também